Intervenção artística em prédio da Fiesp é parte do Festivalma que começa hoje (24) e vai até dia 03 de fevereiro

Quem passar pela Av. Paulista entre hoje, 24, (a partir das 19h30) e 03 de fevereiro vai conferir projeções estampando toda a fachada do prédio da Fiesp.

Além das ondas que renderam recordes mundiais aos surfistas Maya Gabeira e Rodrigo Koxa, as projeções incluem performances de Adriano de Souza, Filipe Toledo e Gabriel Medina.

A atração faz parte da 13ª edição do principal encontro cultural sobre o surfe, o Festivalma que este ano é embalado sob o tema “O Brasil do Surf”.

Biblioteca recheada de publicações relacionadas ao esporte em edição ocorrida há dez anos. Foto Divulgação / Arquivo.

Programação

São oito dias de evento com programação que inclui a tradicional Mostra Internacional de Arte e Cultura do Surf e o Festival Almasurf de Cinema.

Além das tradicionais atrações, o  festival esse ano oferece shows gratuitos de Black Alien, Cynthia Luz, Nomade Orquestra e Bixiga 70.

Brasil: o país do surfe

O Brasil vive momento singular no que se refere ao surfe. Pela primeira vez na história do país há um bicampeonato mundial conquistado por Medina, a hegemonia no circuito mundial (CT) e os recordes mundiais em ondas grandes (Rodrigo Koxa e Maya Gabeira).

Além do mais, atletas brasileiros são considerados favoritos na disputa por medalhas durante as Olimpíadas de Tóquio em 2020.

Entrada Gratuita

O pré-lançamento do evento ocorre hoje, 24, a partir das 19h30 no Centro Cultural Fiesp. E a partir de amanhã, 25, o público confere a programação oficial.

por Janaína