Baleia jubarte (Megaptera novaeangliae), possivelmente um filhote, foi avistado sem vida, esta manhã (31), no mar de Juqueí, São Sebastião, São Paulo

por Janaína Pedroso

A remoção do animal será feita possivelmente pelo Instituto Argonauta, de Ubatuba, que deve realizar a necropsia, coleta de material biológico e posteriormente contribuir com a Prefeitura Municipal para a realização do enterro do filhote.

Foto Instituto Argonauta.

A causa da morte ainda é desconhecida. Por enquanto, a equipe do Instituto Argonauta aguarda a maré baixar para então iniciar os procedimentos e remoção. Ainda não se sabe o destino da carcaça.

Sobre o PMP-BS

O Instituto Argonauta é uma das instituições executoras do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS), atividade desenvolvida para o atendimento de condicionante do licenciamento ambiental federal das atividades da Petrobras de produção e escoamento de petróleo e gás natural na Bacia de Santos, conduzido pelo Ibama.

Reprodução Whatsapp.

Esse projeto tem como objetivo avaliar possíveis impactos das atividades de produção e escoamento de petróleo sobre aves, tartarugas e mamíferos marinhos, por meio do monitoramento das praias e do atendimento veterinário aos animais vivos e necropsia dos animais encontrados mortos.

O projeto é realizado desde Laguna/SC até Saquarema/RJ, sendo dividido em 15 trechos. O Instituto Argonauta monitora o Trecho 10, compreendido entre São Sebastião e Ubatuba.