‘Surfer Magazine’ é descontinuada após apoiar candidatura de Biden

A revista de maior prestígio e credibilidade do segmento acaba de anunciar sua última edição, após 60 anos. Todd Prodanovich, editor-chefe da Surfer anunciou ontem, 03, formalmente o fim do que podemos classificar como a “bíblia do surfe”, depois do polêmico apoio à candidatura de Joe Biden, senador norte-americano, que concorre à presidência dos Estados Unidos da América, e rival de Trump na disputa eleitoral

por Janaína Pedroso

Apesar de ter havido grande especulação em torno da descontinuidade da Surfer, ligando o fato ao apoio ao candidato, Biden, Todd declarou que o fim da publicação não está relacionado à manifestação de suporte ao político do Partido Democrata. 

“Toda a equipe da Surfer foi dispensada ontem (não, não tem nada a ver com o apoio à Biden, apenas a economia afetada pela Covid)”, disse.

Porém, o editor da Surfer acredita que a polêmica contribuiu para que a revista fechasse as portas “por cima”, visto a enorme repercussão que o fato gerou.

Após 60 anos, Surfer Magazine publica última edição. Reprodução Instagram.

Manter a política fora do surfe é um jargão comum nas redes sociais atualmente. Mas o fato é que decisões tomadas na esfera política têm enorme influência sobre nossas vidas, no surfe e na saúde de nossas costas. Conforme o tempo para evitar piores resultados com relação à mudança climática diminui, é importante, mais do que nunca, votar como se o futuro do surf dependesse disso.
Por isso, pela primeira vez na história de 60 anos da Surfer, estamos apoiando uma chapa presidencial.
Clique no link da bio e leia porque os surfistas devem votar em Joe Biden…

Reprodução Instagram

Black Lives Matter e LGBTQ+ na última edição 

A última edição da revista Surfer traz na capa a imagem da manifestação em apoio às vidas negras, que ocorreu na Califórnia, em Encinitas, em Moonlight Beach.

A remada reuniu centenas de surfistas, que juntos aproveitaram para formar a palavra ‘Unity” (união), em solidariedade aos que sofrem com o preconceito racial.

Ademais, o editor-chefe da Surfer deu um spoiler ao dizer que a última edição traz também matéria escrita por ele sobre a comunidade LGBTQ+ do surfe.

“(…) um artigo escrito por mim sobre a comunidade LGBTQ+ do surfe, que foi uma honra para minha carreira ter trabalhado junto a eles, sou muito grato por terem confiado à mim suas histórias”.

Manifestação em solidariedade e luta pelo fim do preconceito racial. Foto Billy Watts

É isso, após 60 anos, é o fim da Bíblia do Surfe…

Enquanto isso no Brasil

Se o apoio de Biden gerou à revista Surfer a suspeita de ter lhe custado a “vida”, por aqui, a atleta Carol Solberg sofre também por ter se manifestado, neste caso, contra Bolsonaro.

Ofendida por uns, ovacionada por outros, a jogadora de vôlei de praia deve ter o presidente da OAB, Felipe de Santa Cruz, em sua defesa diante da acusação feita pela procuradoria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). O jugamento ocorre na próxima terça, 06.

https://www1.folha.uol.com.br/esporte/2020/10/presidente-da-oab-diz-querer-evitar-violencia-contra-carol-solberg.shtml

#ForçaCarol

Sem falar na boiada do (Ministro?) do Meio Ambiente… Vamos de mal a pior…

‘Luz’ aos que se manifestam!

E por falar em LGBTQ+ e preconceito, Pedro Scooby soltou o verbo em episódio do programa “Série ao Fundo”. Só ouvi verdades…

Beijos e boas ondas 🙂 e mais amor, por favor (seja ele da forma que for)!!

nota: como mencionaram dois leitores, de fato Biden não é um candidato da esquerda propriamente dita…

Autor: origemsurf

Compartilhe esse Post

2 Comentários

  1. Chamar Biden de “candidato da esquerda” é discurso de direita. Lembremos que Biden ajudou a turbinar a revolta de Maidan, fazendo thinktanks democratas financiar grupos nacionalistas de ultradireita não Ucrânia. Menos. Menos.

    Poste um comentário
    • Biden é esquerda é uma boa piada da coluna. Que deve ter horror a isso.

      Poste um comentário

Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *